Fiocruz
Webmail FUNDAÇÃO OSWALDO CRUZ

Pós-Graduação em Preservação e Gestão do Patrimônio Cultural das Ciências e da Saúde

Início do conteúdo
  • Sobre o nosso curso

    O Programa de Pós-Graduação em Preservação e Gestão do Patrimônio Cultural das Ciências e da Saúde, da Casa de Oswaldo Cruz (COC) recebeu a sua primeira turma em 2016. Seu curso de Mestrado Profissional foi aprovado e recomendado pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES/MEC) com conceito 4. O Programa tem como vocação a formação de profissionais capazes de articular o conhecimento teórico com o desenvolvimento de métodos e técnicas inovadoras, de forma interdisciplinar, na abordagem dos processos de gerenciamento, preservação e valorização do patrimônio cultural das ciências e da saúde.

    O Programa é destinado a portadores de diploma de nível superior nas áreas de ciências humanas, ciências sociais aplicadas ou ciências da saúde que atuam em órgãos federais, estaduais ou municipais, instituições de ensino e cultura, além de pessoas envolvidas com políticas e programas de defesa do patrimônio, seja em associação com agentes públicos, privados ou comunitários. Nesse sentido, é também voltado para instituições não governamentais que necessitem capacitar seus profissionais para trabalhar na produção, preservação e gestão de bens culturais.

    Com foco na interdisciplinaridade, atestada pela formação de seu corpo docente, o programa visa incentivar os alunos e alunas a explorarem abordagens integradas na preservação do patrimônio cultural, seja ele arquitetônico, documental, artístico ou ancorado em saberes e fazeres tradicionais, sempre com atenção à historicidade dos fenômenos estudados e aos grupos sociais envolvidos.  

     

    Os docentes são profissionais experientes, que atuam em diversas áreas do conhecimento, o que garante uma formação abrangente e qualificada. A troca de experiências entre estudantes e corpo docente, fortemente valorizada no Programa, enriquece o ambiente acadêmico, estimulando a criatividade e o pensamento crítico.

    O currículo abrange estudos teóricos voltados para os campos do patrimônio, da memória e da conservação, e análises das políticas públicas relacionadas ao patrimônio cultural. Além das disciplinas, o corpo discente conta com atividades práticas nos laboratórios da Casa de Oswaldo Cruz e uma gama variada de atividades extracurriculares. 

    O Programa oferece anualmente 2 bolsas mestrado com duração de 24 meses para os alunos que obtiverem melhor classificação no processo seletivo.  

    SELEÇÃO 2024

    MESTRADO 2024

    Confira a lista dos aprovados no processo de seleção

     

    RESULTADO FINAL

    PROCESSO SELETIVO

    Mestrado

    O Mestrado Profissional em Preservação tem como área de concentração Preservação e Gestão do Patrimônio Cultural e compreende duas linhas de pesquisa: Patrimônio Cultural: história, memória & sociedade; e Patrimônio Cultural: preservação e gestão. 

    O processo de seleção ao mestrado é realizado anualmente, sempre no segundo semestre. O curso funciona em regime de tempo integral e oferece 15 vagas por ano.

    PÓS-DOUTORADO

    O estágio de pós-doutorado no Programa de Pós-Graduação em Preservação e Gestão do Patrimônio Cultural e da Saúde tem como objetivo investigar os resultados para o desenvolvimento de atividades de pesquisa e interlocução acadêmica junto aos integrantes do Colegiado do Programa e do Corpo Discente.

    O projeto deve ser encaminhado à Coordenação do Programa por um docente do PPGPAT, que assumirá a responsabilidade de, uma vez que seja aprovado, supervisionar o pesquisador e integrá-lo às atividades de seu grupo de pesquisa.

    Cabe à Comissão de Pós-Graduação (CPG) do PPGPAT julgar a proposta, levando em consideração sua pertinência às linhas de pesquisa do Programa.

    PRODUÇÃO ACADÊMICA

    quem somos

    Coordenação

    Coordenadora Geral
    Luciana Quillet Heymann

    Coordenadora Adjunta
    Ana Luce Girão Soares de Lima 

    Comissão de Pós-Graduação 
    Alda Lúcia Heizer
    Inês El-Jaick Andrade
    Paulo Roberto Elian dos Santos
    Emerson Pires Menezes (Representante Discente)

     

    INFRAESTRUTURA

    A Casa de Oswaldo Cruz está situada no prédio do Centro de Documentação e História da Saúde (CDHS) no campus Manguinhos. As dependências dos cursos de pós-graduação contam com quatro salas de aula, com capacidade total para 90 lugares, equipadas com aparelhagem de som, televisão, DVD e projetor multimídia. Três das salas possuem divisória retrátil, podendo ser transformadas em um auditório com capacidade para 60 lugares.

    O prédio possui também um auditório com capacidade para 60 pessoas, equipado com sistema de som e de projeção, que poderá receber palestras, conferências, aulas inaugurais, entre outros eventos. Além disso, há uma sala equipada com diversos computadores e internet para os discentes.

    Para os que residem fora da Região Metropolitana do Rio de Janeiro, a Fiocruz dispõe de um alojamento situado no bairro de Curicica e oferece transporte direto para o campus de Manguinhos.

    A Casa de Oswaldo Cruz possui ainda um vasto acervo bibliográfico, que tem sua origem em 1900, está acessível por intermédio da Rede de Bibliotecas da Fiocruz, que integra informações sobre bibliotecas e centros de documentação localizados nas unidades da Fiocruz no Rio de Janeiro e nas diversas unidades regionais em todo o país. O acervo pode ser consultado por meio da Base Mourisco (https://acervos.icict.fiocruz.br/F).