Fiocruz
Webmail FUNDAÇÃO OSWALDO CRUZ

A Casa de Oswaldo Cruz (COC/Fiocruz) manifesta seu profundo pesar pelo falecimento de Cristina Isabel Maria Chagas Gouvêa Vieira, filha do eminente cientista Carlos Chagas Filho. Cristina faleceu aos 73 anos, em 13 de maio, deixando um legado de amor, colaboração e dedicação à sua família e à comunidade. Cristina Isabel foi esposa de Eduardo Eugênio Gouveia Vieira, presidente da Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan). O casal teve cinco filhos e 13 netos, numa união de mais de 50 anos.

A direção da Casa de Oswaldo Cruz presta suas condolências ao presidente Eduardo Eugênio Gouveia Vieira e a toda a família Chagas, desejando que encontrem conforto e força para superar este momento de dor e a perda irreparável.

Cristina Isabel será sempre lembrada pela dedicação à família e pelo papel significativo que teve para as pesquisas da Casa. Marcada pela gentileza e educação, ela colaborou com informações importantes sobre a atuação científica de Chagas Filho.

Cristina Isabel doou documentos que foram alocados ao arquivo de seu pai e recebeu inclusive pesquisadores da COC em sua casa, demonstrando sua colaboração visando preservar a memória do cientista. Entre outras funções, Chagas Filho foi presidente do Comitê Especial das Nações Unidas para Aplicação da Ciência e Tecnologia ao Desenvolvimento, embaixador do Brasil junto a Unesco e presidente da Academia Pontifícia de Ciências, cargo que exerceu durante 16 anos, a partir de 1972.