Encontro às Quintas debate a síntese como escrita de divulgação histórica

25/07/2022

Brasil em projetos. A síntese como escrita de divulgação histórica. Este será o tema de abertura da programação do Encontro às Quintas no segundo semestre de 2022, com a participação do professor da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) Jurandir Malerba. O evento será realizado presencialmente no Salão de Conferências do Centro de Documentação e História da Saúde (CDHS), em Manguinhos (RJ), em 4 de agosto, às 10h, com transmissão ao vivo pelo YouTube da Casa de Oswaldo Cruz.

De acordo com Jurandir Malerba, a “síntese histórica está em baixa no templo do culto historiográfico”, desde que o veto à síntese chegou dos Estados Unidos ao Brasil no começo dos anos 2010, com “atraso protocolar de duas ou três décadas”.

“Nesta fala contrapelo, eu vou defender a síntese histórica, situando o argumento em linha com um dos eixos da ‘história pública’, engajada em disputar narrativas e na ampliação do público interessado. Num primeiro momento mais teórico/historiográfico, procurarei historicizar o declínio do prestígio da síntese histórica. Em seguida, apresentarei o relato de uma experiência concreta, esquematizando aspectos de uma prática recente que tive de escrita no gênero ‘síntese’, de uma obra afeita à Independência do Brasil”, explica o professor da UFRGS.

Encontro às Quintas
Brasil em projetos: A síntese como escrita de divulgação histórica
Convidado: Jurandir Malerba (UFRGS)
Coordenação: Tânia Salgado Pimenta
Data: 04/08/2022
Horário: 10h
Transmissão ao vivo pelo YouTube da COC
Informações: ppghistoriasaude@fiocruz.br


Compartilhe

Facebook Twitter Whatsapp E-mail Imprimir