Ir para o conteúdo

Curso sobre Theodosius Dobzhansky e a história da genética: inscrições prorrogadas até 26 de julho

28/06/2019

Entre 5 e 9 de agosto, William deJong-Lambert (City University of New York e pesquisador Fulbright) oferecerá o curso Theodosius ‘Juan’ Dobzhansky's Role in Latin American Genetics na Casa de Oswaldo Cruz (COC/Fiocruz). Promovida pelo Programa de Pós-Graduação em História das Ciências e da Saúde (PPGHCS), a atividade a ser realizada no Centro de Documentação e História da Saúde (CDHS), em Manguinhos (RJ), será oferecida em inglês, com tradução simultânea. As inscrições foram prorrogadas atá o dia 26 de julho. Acesse o Campus Virtual da Fiocruz e inscreva-se.

O objetivo do curso é explorar o período da carreira cientista russo, migrado para os Estados Unidos, Theodosius Dobzhansky (1900-1975), relacionado aos estudos de genética na América Latina e traçar um paralelo com seu desenvolvimento nos Estados Unidos e na ex-União Soviética. Trabalhando com Thomas Morgan (1856-1945), Dobzhansky foi um crítico do neo-lamarckismo na ex-União Soviética, com um papel fundamental na formulação da Teoria Sintética da Evolução e no desenvolvimento da genética na América Latina, especialmente no Brasil.

Ph.D. em História e Educação Comparada pela Universidade de Columbia e professor associado de História no Bronx Community College da Universidade da Cidade de Nova York (CUNY), William deJong-Lambert também é professor associado ao Centro para a Ciência e a Sociedade, da Universidade de Columbia.  Autor de The Cold War Politics of Genetic Research: an introduction to the Lysenko Affair (2012) e organizador, ao lado de Nikolai Krementsov, dos volumes sobre The Lysenko Controversy as a Global Phenomenon (2017), atualmente está preparando o livro The Fly Room: The Invention of Genetics, the Science of Evolution, que tem Dobzhansky como figura central.


Compartilhe

Facebook Twitter Google Plus E-mail Imprimir

Compartilhe

Facebook Twitter Google Plus E-mail Imprimir