Ir para o conteúdo

La mise en tension du secteur pharmaceutique et le problème de l’autorité des agences du médicament en Europe et aux USA

2010-05-24

O sociólogo  Phillipe Urfalino (CNRS/EHESS), Diretor do Centro de Estudos do Trabalho e das Artes (França) é o convidado do próximo Encontro às Quintas. Segundo Urfalino, desde o início deste milênio e particularmente após a retirada mundial, entre 2001 e 2004, de dois medicamentos blockbuster, ou seja, de grande sucesso de consumo, as agências médicas, particularmente a Food and Drug Administration (FDA) nos Estados Unidos, têm estado sob intensas críticas das mais importantes revistas médicas, da mídia, do parlamento, que criaram comissões e audiências públicas sobre o problema, além de diversos segmentos da opinião pública. Em sua apresentação, Urfalino tem por objetivo analisar o que é muito vagamente chamado de "crise de confiança" nas agências de avaliação de medicamentos, e examinar esta  situação à luz do estudo das condições de autoridade e de credibilidade dessas agências.

Algumas de suas obras: Le grand méchant loup pharmaceutique: Angoisse ou vigilance? (2005) e L'invention de la politique culturelle (1996). Urfalino publicou ainda artigos em várias revistas científicas e coletâneas.

Coordenador: Marcos Chor Maio
Título: La mise en tension du secteur pharmaceutique et le problème de l’autorité des agences du médicament en Europe et aux USA
Data: 27 de maio de 2010
Horário: 10 horas
Local: sala 407 do Prédio Expansão | avenida Brasil, 4036 – Manguinhos, Rio de Janeiro
Mais informações: (21) 3882-9095/6 e historiasaude@coc.fiocruz.br

Compartilhe

Facebook Twitter Whatsapp E-mail Imprimir

Compartilhe

Facebook Twitter Whatsapp E-mail Imprimir